Por entre as entrelinhas

“Ainda sim, seria melhor se nascêssemos mudos.”

Pois as palavras me contaram
O segredo das entrelinhas.
O que estava escondido
Ninguém a ler se atrevia.

Devagar, linhas me disseram
Entre as margens espaçadas
Onde as letras tremiam
Há mensagens gravadas.

Sílaba por sílaba,
Palavra por palavra,
O argumento ali se desmantelara.

Linha a linha,
Ponto a ponto,
Procuro até que enfim encontro.

Nos pingos do I, determinado.
Nas curvas do A, desregrado.
Na inclinação do U, o pecado.
No dizer e no falar, ingrato.

No corte do T, sois livre.
No risco do L, respeitado.
Na volta do B, soberbo.
No ponto e no espaço, o medo.

Tentei ir além para entender,
mas algo mais simples não vi.
A minha frente, desaparecer,
tudo aquilo que eu escrevi.

Luiz Felipe Urias dos Santos

29/07/2010

Anúncios

Sobre Lipeh

Caminha, toca, pensa e repara. Aprecia o que é incomum e gosta de brincar com palavras, sons. Convida as pessoas a buscarem epifanias, usarem os sentidos como inspiração de vida e dormirem felizes caso não alcancem-nas. Valoriza a beleza diferente, o incerto, a família, os erros, o ser humano. O Ser Humano.
Esse post foi publicado em Poesias e marcado , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Por entre as entrelinhas

  1. Guil5566 disse:

    o perigo mora justamente nas entrelinhas, onde sua mensagem no fim perde o sentido, ou então seria esse sentido o real, a verdadeira finalidade…

    só cabe ao escritor e à musa saber a resposta disso…

  2. Lipeh disse:

    Obrigado pelo comentário, Guil! :]
    A idéia inicial do poema foi isto mesmo, retratar o fato que as entrelinhas contém mensagens, mas ao se atentar somente a elas a idéia por trás desaparece.
    Talvez devêssemos ler os textos sem atentarmos a muitos detalhes, ou as vezes não crermos que ele diz algo além das palavras, pois estaremos perdendo a conexão com o que é o fato e o que supomos. Tá dada a dica.

    ~Luiz Felipe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s